Tutu de feijão saboroso e super fácil

Tutu de feijão! Se você é fã de pratos tradicionais e cheios de sabor, então prepare-se para aprender a fazer uma das receitas mais icônicas da cozinha mineira: o tutu de feijão. Com raízes no estado de Minas Gerais, o tutu de feijão é uma verdadeira obra-prima da gastronomia brasileira, repleta de história, tradição e sabores marcantes.

O tutu de feijão é uma preparação à base de feijão cozido e refogado, temperado com alho, cebola e outros ingredientes aromáticos, e engrossado com farinha de mandioca ou de milho. O resultado é um prato cremoso, reconfortante e cheio de personalidade, que geralmente é servido como acompanhamento de carnes, como linguiça, carne de porco, bisteca ou costelinha. O tutu de feijão é um prato versátil e delicioso, que pode ser apreciado em diversas ocasiões, desde almoços e jantares em família até celebrações especiais e festas juninas.

A história do tutu de feijão remonta aos tempos coloniais do Brasil, quando os escravos africanos trazidos para trabalhar nas plantações de café e nas minas de ouro em Minas Gerais usavam sua criatividade e habilidades culinárias para preparar refeições saborosas com ingredientes simples e acessíveis. O tutu de feijão era uma forma de aproveitar os restos de feijão cozido e dar-lhes uma nova vida, adicionando sabores intensos e texturas agradáveis. Com o tempo, o tutu de feijão se tornou um prato emblemático da culinária mineira, sendo passado de geração em geração e se tornando uma parte importante da cultura gastronômica do estado.

A base do tutu de feijão é o feijão cozido, que pode ser do tipo preto, carioca ou de outra variedade, dependendo da preferência pessoal. O feijão é cozido até ficar macio, geralmente com temperos como alho, cebola, louro e sal, que dão sabor ao caldo de feijão. Em seguida, parte do feijão é reservada e outra parte é processada para se obter uma pasta, que será usada para engrossar o tutu. Essa pasta é então misturada com farinha de mandioca ou de milho, criando uma textura cremosa e consistente.

O tempero é um dos segredos do tutu de feijão. Além do alho e da cebola, é comum adicionar pimenta, cheiro-verde e até mesmo folhas de couve refogadas, que conferem um sabor característico ao prato. A combinação de temperos pode variar de acordo com o gosto pessoal e a tradição familiar. O uso de ingredientes frescos e de qualidade é fundamental para garantir o sabor autêntico do tutu de feijão.

Outro componente essencial do tutu de feijão é a farinha de mandioca ou de milho, que confere a textura e o sabor característico do prato.

Ingredientes para Tutu de feijão:

  • 2 xícaras de feijão preto cozido
  • 1 cebola média picada
  • 3 dentes de alho picados
  • 2 colheres de sopa de azeite ou óleo
  • 1 folha de louro
  • 1 colher de sopa de farinha de mandioca
  • Sal a gosto
  • Pimenta-do-reino a gosto
  • Cheiro-verde picado a gosto
  • 1 xícara de linguiça calabresa picada (opcional)
  • 2 xícaras de farinha de mandioca (para engrossar)
  • Água (se necessário)
  • Cheiro-verde picado para decorar

Modo de preparo:

  1. Em uma panela, aqueça o azeite ou óleo em fogo médio e refogue a cebola, o alho e a folha de louro até ficarem dourados.
  2. Adicione a linguiça calabresa (se estiver usando) e refogue por mais alguns minutos até que ela esteja cozida.
  3. Acrescente o feijão cozido com o caldo, tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto, e deixe cozinhar por cerca de 10 minutos em fogo baixo, para apurar os sabores.
  4. Retire a folha de louro e descarte.
  5. Com uma colher de pau, amasse parte do feijão na panela até obter uma pasta grossa.
  6. Adicione a farinha de mandioca aos poucos, mexendo sempre, até que o tutu de feijão esteja com a consistência desejada. Se necessário, acrescente um pouco de água para ajustar a textura.
  7. Cozinhe por mais alguns minutos, mexendo sempre, para que a farinha de mandioca cozinhe completamente e o tutu de feijão fique bem cremoso.
  8. Desligue o fogo e acrescente o cheiro-verde picado, misturando bem.
  9. Sirva o tutu de feijão quente, decorado com mais cheiro-verde por cima.

Essa receita rende aproximadamente 6 porções e pode ser acompanhada por arroz, couve refogada, torresmo ou outros pratos típicos da culinária mineira. Esperamos que você desfrute dessa delícia brasileira cheia de sabor e tradição! Bom apetite.

Veja também

Mais receitas em nosso site

Veja mais receitas em um site parceiro

Deixe um comentário